Última Hora
        modelos_barras_fundos_v04_3logos_fse__1572869483.pngaprendizagembaner_1391384671.pnglreclamacoes_1561993769.jpg
        Sondagens
        Home  >  PERGUNTAS FREQUENTES - Empresas - Apoios a Pessoas com Deficiência

         

        Tenho uma deficiência e problemas de integração no mercado de trabalho. Que apoios tem o IEFP para mim?
        Como posso obter mais informações sobre os apoios do IEFP ao teletrabalho?
         
         
        Tenho uma deficiência e problemas de integração no mercado de trabalho. Que apoios tem o IEFP para mim?

        O IEFP pode proporcionar-lhe, em adição ao conjunto de apoios que atribui no âmbito dos programas e medidas activas de emprego de carácter geral (muitos dos quais apresentam majorações para pessoas com deficiência), um conjunto de apoios específicos, de natureza técnica e financeira, que passam por:
        • Informação / avaliação / orientação profissional especializada, de apoio à definição do seu projecto de vida

        • Formação profissional adequada, ou apoios à frequência de cursos de formação profissional em estruturas de formação regulares (designadamente, Centros de
          Formação Profissional, de Gestão Directa ou Participada)

        • Readaptação ao trabalho, adaptação e compensação das limitações funcionais, se tiver adquirido deficiência na sequência de acidente de trabalho, viação ou de doença

        • Apoios à contratação, através da concessão de apoios técnicos e financeiros às empresas que contratem trabalhadores com deficiência, nomeadamente para a adaptação do posto de trabalho às características individuais do trabalhador, para a eliminação de eventuais barreiras arquitectónicas, para o acolhimento, para a compensação pela menor produtividade, e mesmo a possibilidade de um prémio de integração

        • Instalação por conta própria, se pretender exercer uma actividade independente que demonstre ser economicamente viável

        • Emprego protegido, alternativa de emprego e trabalho se não tiver condições para integrar o mercado normal de trabalho

        • Apoio à colocação e acompanhamento pós-colocação, ajudando na procura e/ou manutenção do emprego

        • Teletrabalho, se pretender desenvolver uma actividade profissional a partir do seu domicílio ou em centros de tele-serviços, com recurso às tecnologias de informação e comunicação

        • Ajudas técnicas, para formação e acesso, manutenção e progressão no emprego - incluindo os transportes e a aquisição de triciclos motorizados
        Pode ainda consultar, neste portal, o Guia de Recursos no âmbito da reabilitação profissional, que lhe proporciona uma sistematização da informação existente sobre a oferta de formação e de outros serviços ou programas específicos direccionados para pessoas com deficiência, não apenas ao nível dos Centros de Reabilitação Profissional, mas também de entidades privadas sem fins lucrativos que colaboram com o IEFP, no âmbito da Reabilitação Profissional.

        Para mais informações, contacte o Centro de Emprego da sua área de residência.

         
         
        Como posso obter mais informações sobre os apoios do IEFP ao teletrabalho?

        O IEFP proporciona apoios e incentivos, de natureza técnica e financeira, ao Teletrabalho, visando dotar as pessoas com deficiência e habilitação profissional suficiente para aceder ao mercado de trabalho dos conhecimentos e competências necessários para a utilização das tecnologias de informação e comunicação no desenvolvimento de uma actividade profissional em regime de teletrabalho. Estes apoios são concedidos, designadamente, a:
        • pessoas com deficiência que demonstrem interesse e motivação para as novas tecnologias de informação e que pretendam instalar-se por conta própria ou desenvolver a sua actividade profissional em centros de tele-serviços;

        • entidades empregadoras que admitam nos seus quadros ou celebrem contratos de prestação de serviços com pessoas com deficiência em regime de teletrabalho;

        • entidades, públicas ou privadas, que pretendam constituir-se como promotoras de teletrabalho; neste caso, os apoios destinar-se-ão:
          • à formação complementar das pessoas com deficiência que pretendam constituir-se como teletrabalhadores;

          • à instalação das pessoas com deficiência como teletrabalhadores (e, nomeadamente, à adaptação do posto de trabalho).
        Para mais informações, deve contactar o Centro de Emprego mais próximo

         


        Voltar

        acessibilidade
        seara.com